segunda-feira, 21 de julho de 2008

Nós e nossos erros

Eu já errei muito nessa vida. Comigo não existe aquele bordão de “não me arrependo de nada do que fiz”, acho de uma tremenda falsidade sair por aí repetindo esse tipo de frase feita. Que humano meu Deus do céu não guarda um arrependimento? Que criatura não gostaria de voltar no tempo para fazer algo que não fez, ou não fazer algo que fez?
Me arrependo sim, porque acredito que sem arrependimento não há aprendizado.
Não me vanglorio dos meus erros, nem um pouco, porém posso afirmar que, por ser uma pessoa capaz de me arrepender, dificilmente sou reincidente. Errar uma vez é absolutamente compreensível e até saudável, o problema é não aprender com nossos deslizes.
É claro que do erro sempre vem uma lição, porém, nem por isso eu deixo de me arrepender de ter errado.
Quem não se arrepende não tem sequer humildade para assumir que errou. É como se pensar assim fosse um tipo de consolo para amenizar os equívocos que tantas vezes cometemos, ainda que inconscientemente.
Da mesma forma que não me permito insistir no mesmo erro também não admito isso das pessoas que me cercam. Sou alguém plenamente capaz de perdoar, acho a intolerância uma burrice sem fim, a perfeição não existe para ninguém. Porém, sou turrona o bastante para limitar o meu perdão a uma única chance. Então, meus caros, comigo é assim, podem errar a vontade, poucas coisas nesse vida são imperdoáveis, mas não esperem a minha compreensão mais do que uma vez, pois minha nobreza não alcança patamar tão elevado assim!

2 comentários:

Simone disse...

concordo totalmente Carol. Me arrependo de muitas coisas mas não e lamento. Coo vc disse, o importante é aprender, tirar alguma coisa de boa do que fazemos de errado. Eu só não me arrependo de tentar acertar, pois muitas vezes errei querendo acertar, como todo mundo. Só me arrependo dos meios, rs. bjs

Tata disse...

eu tenho uma visão um pouco diferente. pra mim, não cabe arrependimento quando a gente faz de coração aberto. eu penso assim: eu posso errar, assumo meu erro, aprendo com ele, cresço. mas não me arrependo, porque se eu errei, foi procurando acertar. e com certeza aquele erro me ensinou alguma coisa, nem que tenha sido apenas não fazer mais a mesma m.... então pra mim não cabe arrependimento não...
mas são apenas formas diferentes de ver né?
bjo